Conecte-se Conosco

Brasil

Juiz manda tirar do ar posts de Sara Winter que expôs uma criança de 10 anos

Published

em

A Justiça do Espírito Santo determinou, em decisão liminar (provisória), que Facebook, Twitter e Google Brasil retirem do ar postagens em que a militante de extrema-direita Sara Fernanda Giromini, conhecida como Sara Winter, expôs uma criança de 10 anos, grávida após estupro, autorizada a realizar um aborto no Recife (PE).

A decisão atendeu a um pedido da Defensoria Pública do Estado, e as plataformas têm até 24 horas para obedecer. Caso as empresas descumpram a medida, será aplicada uma multa diária de R$ 50 mil —Tilt já entrou em contato com as redes sociais e o Google, mas ainda não recebeu um posicionamento sobre a exclusão dos posts.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta Cancelar resposta