Conecte-se Conosco

Amazonas

Adaf certifica 43ª Unidade de Beneficiamento de Pescado no Amazonas

Published

em


Na manhã desta sexta-feira (19/03), o Governo do Amazonas, por meio da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), certificou, junto ao Serviço de Inspeção Estadual (SIE), mais um estabelecimento em Manaus. A certificação foi concedida à Cocar Indústria de Alimentos Amazônicos, que se tornou a 43ª Unidade de Beneficiamento de Pescado licenciada pela Adaf no estado.

O documento entregue ao frigorífico de pescados garante segurança para o consumidor, ao atestar o padrão higiênico-sanitário adotado na produção, armazenamento e transporte dos produtos de origem animal. De acordo com o diretor-presidente da Adaf, Alexandre Araújo, a certificação é um passo fundamental para que o estabelecimento possa comercializar o produto em todo o estado.

“É importante destacar que esse produto aqui beneficiado, pode ser comercializado em todo estado do Amazonas com garantia sanitária, já que atende a todos os requisitos da legislação estadual, no que diz respeito à estrutura adequada de beneficiamento, bem como os equipamentos que são exigidos para que nós possamos manter a qualidade”, disse o diretor-presidente.

Unidade – Localizado no bairro Tancredo Neves, zona leste da capital, a mais nova Unidade de Beneficiamento de Pescado gera 15 empregos diretos e movimenta outras dezenas de prestadores de serviço. O pirarucu, proveniente de manejo, da região de Mamirauá, é o carro-chefe do empreendimento, que também trabalha com tambaqui e aruanã. O local tem capacidade de movimentar cerca de 20 toneladas de peixe por mês.

“Essa certificação é um marco muito importante, porque nos dá autoridade em dizer que todos os nossos projetos dentro do frigorífico obedecem ao máximo de segurança. É um produto que foi produzido, beneficiado dentro da nossa casa”, destaca um dos proprietários e diretor de marketing da operação do frigorífico, Paulo Oliveira.

Incentivo – De acordo com o Secretário de Produção Rural do Amazonas, Petrúcio Magalhães Jr, o cenário positivo de crescimento no setor é reflexo das ações do Governo do Amazonas, de incentivar a piscicultura e todo o setor primário, beneficiando tanto os empreendedores como a população em geral.

“Esses jovens empresários estão acreditando no setor primário, investindo no beneficiamento do pescado que é o principal alimento do amazonense. Eles vão precisar comprar matéria-prima, que é o peixe, e a piscicultura tem sido prioridade. Então o Governo do Estado tem esse papel, por meio da Secretaria de Produção, do Idam, da Adaf, da ADS, de fomentar essas atividades”, afirmou o secretário.

Atualmente, a Adaf conta com 167 Serviços de Inspeção Estadual ativos em todo o Amazonas, sendo 43 desses de Unidades de Beneficiamento de Pescado.

Fonte: Governo AM
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *