Conecte-se Conosco

Amazonas

Vereador Carpê mente ao dizer que votou contra projeto de lei que vai aumentar taxa de iluminação pública; veja

Published

em

Manaus| Nesta quarta-feira (13/10), o projeto de Lei da Prefeitura de Manaus que muda as regras para o cálculo da taxa de iluminação pública (Cosip) voltou a ser discutido na Câmara Municipal de Manaus.

O projeto de lei que altera a Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública – COSIP, retornou após uma semana ter sido retirado de tramitação. E ainda, foi apresentado uma emenda pelos vereadores que, isenta as Igrejas, após entendimento do líder do Prefeito, Marcelo Serafim (PSB) com o presidente da Frente Parlamentar Cristã, João Carlos (Republicanos).

Além da emenda para isentar igrejas, outra proposta deve isentar os condomínios do pagamento da taxa de iluminação pública. Na cobrança atual, tanto o condomínio como o morador pagam a taxa, entendendo bitributação.

No final, os pareceres favoráveis foram aprovados, com votos contrários de Guedes, Amom, William Alemão (Cidadania), Thaysa Lippy (PP) e Dione Carvalho (Patriota).

O capitão Carpê (Republicanos) mentiu nas redes sociais ao dizer que votou contra o Projeto de Lei que aumenta a tarifa de iluminação pública em Manaus.

Na publicação pelo seu perfil oficial do Twitter Carpê aponta que “Votarei Contra quantas vezes forem necessárias”. Ainda escreve “Precisamos trabalhar para diminuir os impostos da nossa população e não aumentar”. No entanto, o vereador não cumpre com as palavras que escreve e lesa a população.

Veja leitura dos votos: 

Foto: Reprodução

Matéria completa em Portal da Capital Am

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *